Posts tagueados

Verdade Feminina

Meu look

Que eu amo oncinha não é novidade, né? Sempre que alguém vê alguma peça em animal print falam que é a minha cara – e geralmente é mesmo! Meu lado perua grita com essa estampa e eu acho mega charmoso e, se souber usar na medida certa, elegante. Por incrível que pareça, é uma estampa super atemporal. Oncinha vive se reinventando e aparece em praticamente todas as estações. Quando vi esse vestido na Lança Perfume não resisti! O caimento é perfeito (estilo envelope) e valoriza super bem as curvas com o decote V e a marcação na cintura. Ele é da coleção nova e acabou de chegar na loja (fui lá conferir as promoções e adivinha se eu não caí de amores por um dos únicos que não estava na promoção). Mas valeu super a pena porque é um vestido que dependendo dos acessórios pode ir desde um passeio no

Leia Mais
Refletindo

Tenho que admitir, coisa que não faço com muita frequência, que estive errada sobre você. Quando te conheci, achei que desistiria de mim numa briga qualquer. Num dia ensolarado ou noite chuvosa. Achei que abriria mão logo na primeira prova de resistência ou com a minha falta de paciência. Eu estive errada todo esse tempo porque me julguei boa demais para você. Quando tudo o que você fez foi me mostrar o contrário. Eu não quero viver uma mentira como das outras vezes, entende? Não quero que você seja como todos os outros a quem enganei. Não quero te dar o que eu não tenho, nem te fazer acreditar no que eu não sinto. Seria de uma covardia sem tamanho se eu te levasse até a minha casa e te embebedasse com meus vinhos, histórias, desafetos e carências. Seria muito aceitar o fardo de te tratar como nada logo após.

Leia Mais
Refletindo

Eu não sei o que é, de fato, o amor, disse baixinho. Uma frase curta e simples se propôs a causar uma catástrofe em mim. Depois de muito pensar, eu não sei definir o que é. Quando digo “eu te amo”, me refiro a quê? Para mim, amor é assistir a um pôr-do-sol em boa companhia, sentir a chuva caindo de mansinho, ser feliz com alguém ou sozinho. É ter aquele abraço que chega sem que seja preciso pedir e, em meio ao silêncio, diz mais que todos os meus textos reunidos em uma folha qualquer. Eu me lembro quando disse que amava alguém pela primeira vez. A gente estava em um carro e em meio a uma conversa qualquer eu soltei: “eu te amo”. Acho que nunca assustei tanto um cara em toda minha vida. Ele foi educado o bastante para dizer que amor era uma palavra forte demais.

Leia Mais
Look inspiraçãoMeu lookModa

Logo que eu cheguei no Mercado do Sapato já bati o olho nesse sapato rosa lindão. Foi amor à primeira vista! Ele é da Para Raio e tem um tom de rosa perfeito. Já estava buscando um sapato nesse tom a tempos. E minha maior surpresa é que além de lindo ele é super confortável, por incrível que pareça. Gostei tanto dele que eu estava disposta até a deixar doer um pouquinho… hehehe. Outro item que fez meu coração bater mais forte assim que entrei na loja do Iguatemi aqui de Porto Alegre foi essa bolsa da Arezzo. Ela tem uma transparência linda que pode deixar alguns itens da bolsa a mostra, tipo o celular com uma capinha legal – como a minha do Verdade Feminina! O óculos comprei na Forever XXI em Orlando e a blusa e blazer são da Emme. Coisa mais fofa essa blusa que finge que

Leia Mais
Refletindo

Amor platônico é juvenil, não importa a idade. É uma vulnerabilidade constante, insegurança para qualquer passo em direção à pessoa desejada. É uma certeza de que tudo pode e vai dar errado no momento em que tentarmos quebrar essa fria distância entre os corpos. Amor platônico é amor só no nome. Sentimento indecifrável, mais parecido com encantamento e ilusão. Ocorre pela vontade de se apaixonar. É a idealização da paixão num biotipo específico, a necessidade de projetar em alguém o desejo por ser feliz. Amor platônico sonha ser correspondido e então desperta para uma realidade distante. Ele não me olha. Ela nem sabe meu nome. Sofremos com isso na escola, na adolescência, com o vizinho gato e o primo impossível. Mal conhecemos e já amamos. Amor na forma de falar, um amor totalmente condicional, que sobrevive apenas na fantasia da realidade. Platônico de Platão, que idealizava um amor sem cunho

Leia Mais
Refletindo

Quanto tempo demora até que o amor passe? A gente abre a roda, dá caminho, empurra, faz biquinho e nada faz com que ele siga em frente. O fim do amor é mais trágico que o final de qualquer relacionamento. Como encarar esse novo estranho que permaneceu tanto tempo nos capítulos da nossa vida? Como sentir o toque da mão e não estremecer? Como receber uma SMS e não sentir o estômago revirar? O fim do amor, além de triste, é sem graça. Aliás, cadê o seu sorriso? O fim do amor é fazer juras de que nunca mais voltará atrás. E diferente das outras vezes, não se contradizer. É separar as roupas, os objetos, os lugares preferidos e os amigos. É deitar sozinho sem ter em quem pensar e chorar em uma madrugada qualquer. Sentir o fim do amor é ter saudade. Ou não, salvo exceções. Vivenciar o fim

Leia Mais
Meu look

Eu adoro preto e branco mas acho que não combina muuuuuuito com o verão. Sei lá, acho que essa época do ano pede um pouco mais de vida, sabe? Apesar de eu achar super elegante essa combinação. Por isso fiquei apaixonada por esse vestido que tem a tendência P&B mas também um toque de cor limão na gola. Outro detalhe que me encantou foi a abertura nas costas, super diferente! Estou usando muito esse vestido ultimamente. Super prático, confortável… Com um salto fica mais social e com uma rasteira ou sapatilha, mais informal para o dia a dia. Ótimo investimento pro verão de Porto Alegre. Ele é da Emme. A sandália é Vicenza e a bolsa Arezzo. E vocês? Gostam de usar preto e branco no verão ou preferem uma corzinha mais alegre?

Leia Mais
Refletindo

Tá difícil seguir sem você. Parece algo intrínseco ao meu ser, entranhado na pele. Você marcou de uma forma que meu coração jamais vai esquecer, por mais que a cabeça se esforce. É uma falta que assombra o peito, questiona a vida. Me faz perguntar ao espelho se um dia eu vou sorrir novamente. Eu sei que vou. Pelo menos espero que sim, mas a sensação é de que o mundo será cinza para sempre. A parte mais difícil está entre o despertar e o adormecer. No restante, até que lido bem, isso quando não lembro dos sonhos. Quando acordo, lembro de você antes mesmo de abrir os olhos. É como se eu sentisse teu cheiro. Na verdade eu sinto, relembro, revivo, recordo, renasço para falecer novamente. Durante aqueles segundos na cama, com a consciência turva, procuro teu corpo entre os lençóis. O vazio da cama rima com aquela angústia

Leia Mais
Meu look

Tendência confirmada do verão, o preto e branco tem invadido das vitrines e o closet das fashionistas. Combinação de cores indispensável do guarda roupa de toda mulher, é fácil de combinar e sempre atual – vai bem com todas as idades e é adaptável a todos os estilos. Sempre que não sabemos o que vestir, a aposta no preto e branco é certeira e atemporal. Adorei essa blusa da DBZ que tem uma estampa com essas duas cores básicas. Elegante, bem levinha e ótima pra combinar com uma calça jeans guerreira do dia a dia (também DBZ, super confortável e com lavagens lindas que vão desde as mais tradicionais até as mais ousadas… essas calças vestem muito bem mesmo). Vem conferir! A bolsa comprei na Espanha e as sandálias são Divalesi. O colar de crucifixo é da TS Acessories. Quem aí também é fã de preto e branco?

Leia Mais
Refletindo

A vida é feita de escolhas. O amor também. Podemos escolher entre a felicidade plena e linear, ou a vulnerabilidade da paixão. Mesmo quando temos a chance de optar pela serenidade de um sentimento maduro, concreto e estável, há quem prefira aquela dúvida de um olhar correspondido. Não tem jeito, algumas pessoas não se adaptam ao outono de uma relação duradoura. Preferem o fogo no vão da incerteza, o desafio constante da autoestima. Não é fácil escolher entre o calor que incendeia e o morno que aquece. É uma armadilha do destino, que instiga as nossas vontades urgentes. Uma paixão que desatina nos faz refletir sobre tudo que nos envolve. Somos tomados por um desejo de eternidade daquela sensação flutuante de êxtase. O problema é que a paixão nunca será eterna. O fogo que queima a pele é inebriante, porém efêmero, como todo ápice da vida. Nem sempre temos a

Leia Mais