Christian Dior foi um estilista francês que trouxe de volta toda a feminilidade e delicadeza às mulheres, após um período conturbado de guerras e desordem mundial. Sua marca registrada foi a silhueta que ele criou para o corpo feminino: a cintura marcada e o comprimento abaixo do joelho. 

Seja uma saia volumosa ou saia lápis- Dior conseguiu fazer com que as mulheres da época se sentissem tão belas que, até hoje, em uma sociedade onde os curtos são sinônimos de sensualidade, a silhueta criada por Dior é vista como símbolo de elegância e charme.

Não importa se você tem tornozelos grossos ou finos; o comprimento Dior é democrático. Mas o ideal é que seja sempre usado com salto alto, para completar o ar lady like.

A versatilidade dos modelos é incrível. As saias lápis podem ser usadas em dia de trabalho, em um almoço de negócios e até usadas em eventos cujo traje é esporte chique. Apenas varie o tecido. Já as saias rodadas podem estar presentes em um jantar formal ou em um vestido de gala.

Se depender das mulheres, Dior continuará sendo aclamado e respeitado pelas gerações futuras. Concordam?

Post Anterior

Granola no #planodeverao

Próximo post

Segurando o Penteado

A Autora

juliasbg

juliasbg