Se você é como eu e nossa heroína Becky Bloom, provavelmente acredita que o mundo melhora quando nós compramos. Porém, se o seu mundo entra em apocalipse quando chega a conta do cartão de crédito, aqui vão algumas dicas sobre como controlar sua carteira (já que o seu desejo por artigos dignos de musa nunca poderá ser domado).

Contas de Banco

Nunca deixe todo o seu dinheiro em um só lugar. Isso dá a impressão de que tudo aquilo está disponível e pode ser revertido em roupas e sapatos. Mas calma, não precisa sacar todas as suas economias e colocar debaixo do colchão.

Criar contas linkadas no banco é super acessível, e você pode controlar melhor o que pode ser usado no bendito consumo de cada dia e o que precisa ficar no cofrinho por mais tempo. Faça uma poupança e não libere o resgate automático, assim, quando o dinheiro da conta corrente acabar, você estará sozinha com suas compras. Aproveite para conhecer as opções que o banco oferece, quem sabe você não consegue aplicar o dinheiro que tem e ainda ganhar um trocado em cima disso?

Na ponta do lápis

Mantenha as contas num caderninho, tudo o que entra e sai (de sua conta bancária, não se assusta, amiga). Para as modernas, há diversos aplicativos financeiros disponíveis e que ajudam a deixar tudo organizado no celular. Vendo seus gastos você sabe quanto dinheiro tem sobrando e ajuda a evitar as próximas compras. Lembre-se: o que os olhos veem, a carteira sente.

Nas compras

Pesquisar! Se você está procurando um item específico, nunca o compre no primeiro lugar que encontrar. Vá à luta até achar a opção mais barata. Aproveite para bater perna no shopping e fazer a tão sonhada caminhada semanal da qual você tem tanta preguiça. Ainda, sempre podemos trazer para a moda aquelas peças que estão no fundo do armário. Calça jeans velha? Transforme num shortinho super diferente e moderno. Quem tem uma boa costureira – ou a manha na agulha – tem tudo. Seja criativa!

Nas festas

Aqui é onde muitas (e inclusa) quase precisam penhorar seus pertences para gastar com o álcool. Acreditem, entendo vocês. Por isso, levar na carteira apenas o dinheiro que pretende gastar é uma ótima opção. Mas sempre deixe o dinheiro do táxi em outro bolso, dentro do sapato, qualquer lugar… ou é capaz de voltar a pé. Outra ideia é marcar um aquece com as amigas e beber em casa. É mais barato e você pode mostrar suas habilidades de barwoman.

E, caso tudo dê errado, pense naquela bolsa Chanel ou no tão sonhado Monolo Blahnik que você precisa ter antes de morrer, e economize por eles! Faça dos luxos suas metas e seja a musa do foco. Boa sorte!

Post Anterior

Emília Feelings

Próximo post

Para chamar de seu

A Autora

drinksedramas

drinksedramas